segunda-feira, 28 de março de 2016

fazer

fazer realidade sonho
bonito nublado dia
alegre cara lavada
como se enfeitada...

fazer da companhia pura comemoração
do momento singelo agradecimento
do soluço riso largo
do suspiro saudoso solta gargalhada...

fazer da quietude reflexão
da inspiração poesia
do desentender esquecimento
queimado no sol
levado no vento...

sábado, 19 de março de 2016

astros da ocasião

desprender-se dos possíveis laços
também dos impossíveis
prescindir da vida
voar sem traços
ladrar ao vento
puro pensamento...

fogo no mar crispado
silêncio na escura nuvem
despencar de tempestade
raio de mutação
dança no furacão...

insólito poetar
consciência singular
tão simples de ver a vida
tão misterioso nascer
tão certo morrer
tão grato perceber...

nublado entardecer
claro amanhecer
vestes da madrugada
trarão final da estrada...

sem luz de fraca neblina
sem confronto que alucina
sem dor de egoísmo feita
sem pranto de despistada culpa...

voará parca vida
na dimensão do universo
céu de lua enluarada
pra derradeira lição
ao pé da porta sentada
na banca de cortiça entalhada
pela mão de maestria
a ouvir doce paterna explicação
do movimento dos astros da ocasião...







sábado, 12 de março de 2016

abraço a ventania

não cansarei na lida
desentender não convida
olhares infantis brilham estelares
lugares tantos
alegrias multiplicadas
adiante na jornada...

dúvida não persiste
entristecer não consiste
anda-se na cotidiana luta
na fé sempre renovada
ah...  agradecer mister se faz
amplo
alegre
feliz
não importa desdita alheia
creia... forte me faço
abraço a ventania
não me desafies
ando acompanhada
minha fé é sadia...

alva luz

planta-se sonho
navega-se mar incerto
presa alma se debate
invade
age
anuncia condição
asas querem voar... então...

alma não acredita
quer crescer
quer saber
aonde anda lua
onde céu engole mar
onde lugar de alegria...

ao ouvido sopra sopro
do norte vem devagar
encrespa entender
agita espírito
de crescimento antigo...

certeza desperta
lua descoberta
estrelas na vitrine
salve... alva luz...
minha mente ilumine...