domingo, 10 de janeiro de 2016

maude me esconde

não me procures na minha poesia
maude me esconde
responde
sente
se expressa...

oculto-me em sua saia
criança chorosa
me enrosco
me faço de novo...

maude de tranças
criança
amante
vibrante...

maude acredita no mundo
no sorriso
na alegria
no prazer do novo dia...

maude um dia quer partir
feliz
serena
como a primeira luz da madrugada...

Nenhum comentário: