sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

céu de arita

                                                                                                       photo by meioambiente.culturamix.com



dia chega com jeito de outono
frescor desde a madrugada
depois da chuvarada
nuvens soltas
céu infinitamente azul
céu de arita...

amiga amada num janeiro nos deixou
ficaram ensinamentos
exemplo de vida
cabeça erguida
reservo-me o direito de ser mutante
ora... ela mudava... sim...
mirava em volta com olhar felino
atento
feminino
profundamente sereno
maravilhosamente audaz
saudade da amiga querida
saudade de arita...

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

arte do cinzel da lida



                                                                                   www.fotosearch.com.br


desentender entendido
desamar amado
andar ao som do inaudível
preferir claridade
aglomero impede luz...

espaço criado
ou esculpido
na arte do cinzel da lida
no suor do verão posto
no outono imposto
primavera assumida...

fisionomia marcada
mais cicatrizes tem a alma
tudo costurado sem assombro
pintado com pincel de nuvem
brada ao sol nascente
despretensiosa alegria...

fardos não os carrego
mágoas voltaram na contramão
bagagem só contentamento
no coração amplo agradecimento...


velha sabedoria


                                                                               image by stf.jus.br


bailam palavras em dança escolhida
assim vida se faz
figuras na poesia da alma
encontram boca de fala abstrata
retratam sombra de sentir
obscurecem em nada aparente
lacra coração miséria percebida...

infeliz ser atraiçoa
lança fel ao vento
invade sentir alheio
interpreta na maldade eficiente
alegria concreta
poesia aberta
linguagem da alma contente...

riso solto
amplo contentamento
ferem de morte o vil
esconde-se na sombra trazida
mata vida ao redor...

velha sabedoria proclama
lama ao ar
barro no rosto
semeadura de discórdia
colheita de tempestade
justiça se inflama
mil vezes terão próprio mal...

coração se aninha
leveza de alma segreda
alegria cultivada
floresce a cada nova madrugada...

quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

sempre nova estrada

                                                      estradas bonitas - galeria - www.chongas.com.br



ordenar sentires desejosos de expressão
dura tarefa
andar feliz caminho adiante
tenaz decisão
entender estupidez dos fazedores de guerra
impossível...

estratégia de manipulação das massas
desprezível
conspiração contra os desprotegidos
ignóbil...

difusão do medo
da incompreensão
da discórdia
do desentendimento
da incapacidade de eficaz leitura de si e do outro
disfarce preferido do opressor de plantão...

caracterizar-se de cordeirinho para roubar direitos ontológicos
variedade de estratégia do despotismo...

a tantos encanta
enfeitiça
incentiva
fundamentado na humana sede de vaidade
de cobiça
de poder...

tristes caminhos
hipócritas sendas
tortuosas estradas
infelizes dias...

enquanto a injustiça andar vestida de anjo
poucos a reconhecerão...

incansável força de luta no entanto se mostra
lucidez se espalha
teimosa semente
elo se expande
inquebrantável sentimento compartilhado
inatingível ao inimigo poder de compreensão
lança profundas raízes nos inocentes corações da sempre nova estrada...



segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

sábia escola da vida

na quietude da tarde
aconchegam-se sentires
coração agradecido
mente alerta
imagens antigas
novas mensagens
sábia escola da vida...

velho amigo diria

conecto-me ao profundo mundo interno
visualizo ínfima florzinha no caminho florescida
ouço trinar da avezinha nos galhos escondida
sinto roçar das asas do beija-flor ao vento
precioso momento...
(foste tocada pelo espírito... velho amigo diria...)

dançam pequeninas personalidades
vaidades domadas
esperanças rebrotadas da chuva
na tarde espiralada em matizes
coração flutua enlevado
branca lua no adormecido sol
agradecido sono
macio lençol...

verão escorre em gotas

da fresca madrugada ao calor da tarde
verão escorre em gotas...

sentir abre caminho
histórias tantas brotam
tão antigas são
tão vivas estão...

no caminho de volta
ajustam codificações
breve colaboração ao momento
no morno vento a tarde vai...



domingo, 4 de janeiro de 2015

entendimento do hoje de cada dia

na mansa aurora de novo ano
velha esperança habita
alma
mente
ação do cotidiano...

ampla paciência
no entendimento do hoje de cada dia...

da velha árvore pendem os ramos...

se anjos de agonia se acercam
tristeza não chega
busco divina presença
dentro de mim...