segunda-feira, 22 de julho de 2013

interna antiga campanha

                                                                      photo by maude poesia

gosto da introspecção invernal
fora frio congela
sopra inquieto amigo minuano
antigo companheiro
traz da andina cordilheira
enregelar de geleira...

internos sentires desabrocham
ao doméstico calor
cobertor de afeto
alimentos do corpo
aquecem entranhas
energizam
por inteiro...

sabores redescobertos
sopas
caldos
sementes
pães
enchem de saudável conforto
entorno de simples alegria...

hábito gaúcho se impõe
na presença
dança de mão em mão
amizade em chimarrão...

preparar
aquecer
cevar
cozer
assar
fazeres de invernia
na reflexão que os acompanha
doces pensamentos
desde interna antiga campanha...




domingo, 21 de julho de 2013

e a flor sabe

                                                                               photo by maude poesia



suaves tons na moldura
arquitetura de prece
parece
agradecer
pela oportunidade de flor ser
pelo dia
pela amizade
pela saudade pequenina
pela disposição de vida
pela fé
pela lida...

mudinha recebida
assim com sorriso
sem nenhum aviso
além do afeto
inquieto jeito de dizer
desejo de conviver...

e a flor sabe
deve flor ser
pra tudo isso
e mais
dizer...

quinta-feira, 18 de julho de 2013

leaving to New York



in some days... autumn wait for us...

em busca da beleza

                                                                       photo by maude poesia


palavras podem ser presságios
palavras podem trazer alegria
anunciar respostas
eleger defeitos
palavras são de muitos jeitos...

ao cão basta o tom da mensagem
bobagem dizer não entendem
olhinhos instigadores
revelam compreensão
se quem lhes fala
o faz com bom coração...

cães
gatos
plantas
borboletas
pássaros
flores
folhas
toda a natureza
andam em busca da beleza
no olhar
na mão
na fala
na intenção
lá no fundo
quem diz não...

terça-feira, 16 de julho de 2013

mango detrás da porta

                                                                            photo by maude poesia


mango detrás da porta
revela chão de valor
não é a qualquer senhor
que bênção se considera
do fundo de história vivida
de fundamento de vida
jeito de cara lavada
se mostra assim por inteiro
de janeiro a janeiro
através da invernada...

desde infância levada
no riso
porém no respeito
curtiu-se gesto de fibra
não sou qualquer rapariga
que se marca no lombo
tombo garanto ao índio
que se meter a gracioso
no próprio lombo garanto
levar marca do meu mango...

grossa dirão
pois que o digam
não ligo
mas não se meta
a fazedor de lorota
não esqueça
o mango
cá está detrás da porta...

segunda-feira, 15 de julho de 2013

sentires em sinfonia

                                                                        photo by maude poesia


prazeroso sentir
no inverno
primavera se anunciar...

cantam corruíras
bem cedo
apressadas
alvoroçadas
no claro da madrugada...

apontam botões
brotações se expressam
apenas o frio
um pouco regressa
para outras paragens...

gosto de perceber
o doce anúncio
de novos tempos
momentos de pura magia
sentires em sinfonia...

sexta-feira, 5 de julho de 2013

olhar dentro...ver distante...

                                                                            photo by maude poesia



tempo de florescer
sem medir
vento
chuva
rua
noite
açoite da tempestade...

tempo de ser
em rubros tons
em sensações
em comunhões infantis
no carinho
nos passos
nos olhos em abraços...

tempo de seguir
adiante
olhar dentro
ver distante...

terça-feira, 2 de julho de 2013

faço-me flor

                                                                     photo by maude poesia


faço-me flor
à chuva
me curva
me invade
molha-me as pétalas
inquietas põem-se sossegadas
pingos da noite calada
até a chuva da madrugada...