quinta-feira, 19 de abril de 2012

desde o florescer do dia



                                                                    photo by maude poesia


não hei de considerar
habitual
constatar inveja
triste...

alguém falou uma vez
há sentimento assim
em redor de mim
de ti
de árvores a frutificar...

produzir com alegria
com esperança gerar
paz
gentileza
entendimento
poesia...

na verdade
na seriedade viver
faz doer
faz nascer
em algumas pessoas
sentimento de desgosto
pelo bem alheio...

sem receio sigo
semeio fé
serenidade
compreensão
vivo na simplicidade
colho amizade farta
ampla a mesa cotidiana
na poesia do fundo da alma
desde o florescer do dia
até o meu anoitecer...

2 comentários:

São disse...

Que sua vida seja sempre enfeitada por flores tãp belas como a que adorna este seu bonito poema, amizade, amor, ...

Beijinhos.

Vera Luiza Vaz disse...

Obrigada, querida amiga São!
Que tenhamos sempre alegria de vida e muita amizade para compartilhar...
Beijo!