domingo, 8 de abril de 2012

concreta felicidade

                                                  Minhas duas extremidades do tempo - photo by Marília Vaz     

cedo o abraço vem
dos braços de quem me trouxe à vida
agradeço comovida...

palavras de carinho
de amizade
tocam o coração
são amigos
são irmãos...

no poema chega o afago
de poética sensibilidade...

voz infantil ao portão
presentinho na mão
abraços
carinho
afeto
fazem o dia completo...


com o passar do tempo
perde-se da juventude brilho
ganha-se em sabedoria
disposição de saúde
de alegria
tem-se carinho pra dar
na recíproca pra receber
afeto pra viver
abundante amizade
riqueza completa
concreta felicidade...

10 comentários:

São disse...

Lindo arco de harmonia e encanto o que aqui nos oferece.

Que assim seja por longo e feliz tempo!

Um abraço às três, amiga

vera luiza vaz disse...

Agradeço comovida pelos desejos que a mim diriges!
Obrigada pelo carinho e pela amizade tão valiosos!
Abraço, amiga São!

Maribel disse...

Que linda a foto, Vera! Estás muito bem com essas duas extremidades: a mãe e a neta. É a perfeição! Ter tido tão linda origem e tão linda descendência! Assim, só posso te desejar um feliz aniversário e que continues abençoada por pertencer a essa linda família! E descreves essa felicidade num lindo poema! Grande abraço
Maribel

Luís Coelho disse...

São os braços que nos trouxeram à vida e que nos ligam à vida que lhe dão sentido e nos nos fazem viver plenamente.

Felizes quantos reconhecem e respeitam esses laços cada dia mais esquecidos nesta sociedade de consumo.

vera luiza vaz disse...

Maribel, temos presentes de Deus(ou o nome que quisermos, não importa...) diariamente em nossas vidas... Basta olhar em volta... e ver...
Ontem foi um dia pleno dessas constatações...
Obrigada pelas palavras de carinho e amizade!
Abraço, querida amiga!

vera luiza vaz disse...

Amigo Luis Coelho, obrigada pelo carinho da visita e pelas palavras de sábia constatação.
Aprender todo dia é o que me proponho e agradecer pelo privilégio das companhias de amizade!
Abraço!

Luiz Carlos Vaz disse...

Mas QUE cartão postal, hein?

SOL da Esteva disse...

Vera Luiza, Querida

Os abraços da Mamã/Vovó, são o complemento dos abraços que nós (Pais) temos reservados para ambas.
Imagem muito feliz.
O teu Poema reflecte o sentimento integral da "(...)abundante amizade
riqueza completa
concreta felicidade..."


Beijos

SOL
http://acordarsonhando.blogspot.pt/

vera luiza vaz disse...

Vaz, esse cartão postal comprei na Livraria Previtali na ida para o Estadual... rsrsrs...
Abraço!

vera luiza vaz disse...

Sol, completas a iluminação do dia festivo... Obrigada pelas sempre amáveis palavras de carinho!
Abraço!