quarta-feira, 27 de abril de 2011

do amargo

do amargo faz-se a consciência
vivência não faz sentido
sem dor
sem mágoa
sem marcas...

inútil
ilusão tola
andar de cândido passo
repassa desconforme ação...

canta
mas canta de pé...

dança
mas não descuida do passo...

abraço é bom até
mas tem preço
fere
mata...

Nenhum comentário: