domingo, 14 de janeiro de 2018

liberta liberdade

rebelde espírito
se insurge
aos céus grito
de luz
de vontade
de liberta liberdade...

na estrada

não entendimento
dono da hora
apego à vida
medo na partida
assombro
sussurro
inquietação
nada sei
desentendo
aprendo
ou nada compreendo...

saber
para quê...
mistério da vida
da morte
noite
madrugada
na estrada...

sábado, 4 de novembro de 2017

tempo de brandura

sussurra divino interno
inverno da alma passado
íntimo espaço desvendado
do outro inquietação
atenta do espírito à quietude
na madrugada do tempo de brandura...


primaveril sopro do universo

ínfimo acontecimento
traz sopro de novo vento
areja
clareia
qual chama que incendeia
vida
adiante
certeza de energia renovada
melhor
nunca experimentada...

tão simples fato
anúncio faz
ainda não fora entendida
esta etapa da missão...

arrepia espírito agradecido
atento ao primaveril sopro do universo...

quinta-feira, 2 de novembro de 2017

ventania do dia de finados

aprender constante
instante seguinte mostra
universo em transformação
nada se sabe em definitivo
intuitivo saber
lugar pra viver...

ontem diverso olhar
afeto revirado
entender desconjugado
descabelado arvoredo
na ventania do dia
de finados...

desentender
reaprender
mas... sempre agradecer...

quinta-feira, 7 de setembro de 2017

dias de independência

outros dias de independência
da memória vêm
de além frios campos
verdes no pasto brotado
ou ainda queimados da geada insistente
assim como a gente
um tanto empertigados
brotos molhados
na noite de trovoada
insistindo
resistindo
surgindo quase do nada
ao leve clarão da madrugada...

domingo, 13 de agosto de 2017

beleza das folhas molhadas

quietude da casa
domingo chuvoso
trovoada limpou
água lavou
apenas goteira insiste
pedagógica
não triste...

na longa estrada
aprendo ainda
suave manhã
embala intenção
de simplicidade
conectividade
com profundo adormecido
no caminho percorrido...

continuidade da chuva
desperta verdades da vida
necessário limpar interno ser
pra persistir em viver...

suavidade não traz fraqueza
na beleza das folhas molhadas
força na trilha da verdade...